Edição 03
Mar/Abr
2024

Juarez Paraíso

Homenageado com um resumo de sua obra, no Palacete das Artes, Salvador. Intelectuais, amigos e admiradores reivindicam o tombamento de sua obra

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Também

Poeta, músico-compositor, teatrólogo, publicitário e médico, acreditem, além de também imortal da Academia de Letras da Bahia
Aprenda a fazer e saborear o prato típico e mais tradicional do Recôncavo Baiano, um refogado de várias carnes, misturadas e cozidas em folhas de mandioca, a maniva.
Faz 200 anos. Veja a seguir, as histórias das principais batalhas, a origem dos festejos e do orgulho baiano pela vitória na luta que consolidou a Independência do Brasil. A cada 2 de Julho, Salvador reveste-se de cores fantásticas para festejar o dia em que o povo venceu.